Logo policia civil logo bombeiros logo policia militar logo policia cientifica CORREGEDORIA GERAL DA SDS logo governo

Proerd forma turma de instrutores em Gravatá

07 de Outubro de 2011

A Secretaria de Defesa Social – SDS formou, na última quinta-feira (6), mais uma turma de instrutores do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência – Proerd, desta vez na cidade de Gravatá, Agreste do Estado. O curso, com duração de duas semanas, abordou disciplinas como noções de cidadania; como lidar com situações de pressão; consequências causadas pelo uso de cada tipo de droga, desde o cigarro até o crack.

De acordo com a coordenação do Proerd, pela primeira vez no Brasil, seis guardas municipais participaram do curso como ouvintes. O programa só pode ser aplicado por policiais militares que tenham o curso de formação de instrutores. “O lema do Proerd é o amor. O curso é maravilhoso, é divina a proposta. Estou apaixona”, contou a guarda municipal, Marilucia Souza.

A partir da próxima segunda-feira (10), os 27 policiais militares que participaram do curso estarão colocando seus conhecimentos em prática. “O Proerd tem como meta atender 50 mil crianças pernambucanas até o final do ano. Nos próximos 15 dias, cinco mil alunos de escolas municipais e estaduais de Gravatá serão beneficiados com o programa”, afirmou o coordenador executivo do Proerd, major João Santos.

De acordo com a secretária municipal de Educação, Maria da Paz, as escolas do município estão de portas abertas. “Estou muito feliz pela capacitação desses policiais, nossas crianças serão as grandes beneficiadas. As escolas de Gravatá estão de portas abertas e ansiosas pelo Proerd”, disse a secretária.

Proerd – é a adaptação brasileira do programa norte-americano Drug Abuse Resistence Education - D.A.R.E. surgido em 1983. No Brasil, o programa foi implantado em 1992, pela Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, e hoje é adotado em todo o Brasil. O programa consiste em uma ação conjunta entre as Policias Militares, Escolas e Famílias, no sentido de prevenir o abuso de drogas e a violência entre estudantes, bem como ajudá-los a reconhecer as pressões e as influências diárias que contribuem ao uso de drogas e à prática de violência, desenvolvendo habilidades para resisti-las.

“A droga é hoje uma epidemia que aflige todo o mundo. O Proerd está apoiado em três pilares: família, poder público e escola. O poder público está fazendo sua parte, investindo na prevenção e quebrando paradigmas ao aproximar a polícia cada vez mais da sociedade. O governo do Estado e a Secretaria de Defesa Social têm dado apoio irrestrito à prevenção, nós não deixaremos um município sem o curso do Proerd”, garantiu o gestor da Gerência de Prevenção e Articulação Comunitária da SDS, João Evangelista.

O Proerd é mais um fator de proteção desenvolvido pela Polícia Militar para a valorização da vida. “O programa é muito bom e realmente surte efeito, afasta nossas crianças das drogas, além de quebrar paradigmas dentro da corporação”, disse o soldado concluinte do curso, Marcone Zacarias.

Durante a solenidade foram entregues os certificados dos “Amigos do Proerd” às autoridades do município que contribuíram para a realização do curso. “É uma honra ser considerado amigo deste programa. Eu abracei a causa e abraçarei sempre o que for bom para a cidade”, afirmou o prefeito de Gravatá, Osano Brito.

Últimas Notícias

  • 20 de Junho de 2018

  • 19 de Junho de 2018

  • 19 de Junho de 2018