21.06.2019

Secretaria da Mulher do Estado lança campanha No Arrasta-PÉ, Ela Festeja Como Quer!

A Secretaria da Mulher de Pernambuco (SecMulher-PE) inicia, nesta sexta-feira (21), as ações de prevenção e enfrentamento da violência contra as mulheres para o São João e São Pedro. A campanha deste ano que vem o tema: No Arrasta-PÉ, Ela Festeja Como Quer!estará presente nos 184 municípios através dos Organismos Municipais de Políticas Públicas para as Mulheres.
De hoje até o próximo dia 30 de junho, cerca de 2 mil multiplicadoras estarão com a camisa da campanha nos municípios fazendo a panfletagem com material informativo destacando os mecanismos que devem ser utilizados pelas mulheres nos casos de violência. Entre eles, estão as Leis Maria da Penha, Lei do Feminicídio, a nova Lei de Importunação Sexual e os tipos de violências: sexual, física, moral, psicológica e patrimonial. Nos panfletos, elaborados no tamanho de bolso, que serão distribuídos constam os números de telefones úteis para as mulheres pedirem ajuda nos casos de violência.
Em Caruaru, as multiplicadoras vão distribuir o material no sábado, domingo e segunda no Pátio do Forró. Já em Salgueiro, a ação acontece no sábado (22), na Praça da Bomba, a partir das 18h. No dia 28, a campanha continua em Altinho, a partir das 16h na Praça Júlio Rodrigues, no Centro.
No período, também haverá os plantões das delegacias e Centros de Referência nos principais pólos da festa. No Recife, o atendimento às mulheres será feito nos dias 21, 22, 23 e 24, das 18h às 23h na Central de Atendimento à Mulher – no Sítio da Trindade. Em Caruaru, o Centro Especializado de Atendimento à Mulher Maria Bonita funcionará todos os dias, das 8h às 16h. A partir das 18h, as mulheres serão atendidas no Pátio do Forró. Em Petrolina, Região do São Francisco, o atendimento será feito no Pólo Ana das Carrancas na sexta, sábado, domingo e segunda, em regime de plantão das 21h às 22h. A Secretaria da Mulher do Estado está com o plantão 24h através da Ouvidoria da Mulher no 0800-2818187 e com o plantão da Central de Abrigamento que acolhe as mulheres em risco de morte.
A secretária da Mulher de Pernambuco, Sílvia Cordeiro, ressalta a importância de se festejar o São João e São Pedro com alegria e respeito às mulheres. “Nas festas juninas não há espaço para assédio e nenhum tipo de violência contra as mulheres. É importante que as mulheres denunciem a violência sofrida o mais rápido possível nas delegacias e centros de referência”, informa a secretária.