12.02.2021

SecMulher-PE apresenta ações ao Ministério Público de Pernambuco

Na quinta-feira (12-02), a secretária da Mulher de Pernambuco, Silvia Cordeiro, esteve com o Procurador Geral do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Paulo Augusto de Freitas, para dar boas-vindas e apresentar as ações do Governo do Estado para o  enfrentamento da violência de gênero contra a mulher e reafirmar a parceria  estratégica com o MPPE. Estiveram presentes na reunião: o secretário Geral  Maviael de Souza e a coordenadora do Núcleo de Apoio à Mulher (NAM), Bianca Stella Azevedo.

Silvia Cordeiro destacou as contribuições do  MPPE, por meio  do Núcleo de Apoio à Mulher (NAM), ao  Protocolo de Feminicídio do Estado de Pernambuco, coordenado pela Secretaria Estadual da Mulher (SecMulher-PE), no âmbito da Câmara Técnica para o Enfrentamento da Violência  de Gênero  do Pacto pela Vida. O  monitoramento e análise dos dados  das violências doméstica, familiar e sexual contra as mulheres orientam a atuação do Governo do Estado, do Ministério Público e das  demais instituições do Sistema de Justiça para a prevenção, proteção das mulheres e punição dos agressores.

Na ocasião, a gestora da pasta destacou a iniciativa da coordenadora do NAM, Dra. Bianca Stella Azevedo, em colocar na pauta da Câmara Técnica, a discussão da  nova portaria do Ministério da Saúde sobre a notificação da violência contra as mulheres nos serviço de saúde. “Estamos confiantes na continuidade e avanço da parceria com o MPPE,  tendo em vista o compromisso assumido por Dr. Paulo Augusto, colocando sua gestão a serviço da Justiça para as mulheres”, disse Silvia, acrescentando que o Procurador Geral afirmou que fará o que estiver ao seu alcance para  avançar na contribuição do ministério no esforço com o estado, de forma articulada com as instituições, em fazer sua parte para garantir uma vida sem violência de gênero  para as mulheres.

Silvia Cordeiro entregou o Relatório de Gestão ao procurador e colocou a secretaria à disposição do órgão, no sentido de fortalecer as ações formativas e de interiorização do enfrentamento da violência contra as mulheres. Segundo ela, a equipe da SecMulher-PE está disponível para colaborar na formação dos novos promotores e promotoras com total confiança de que o Ministério Público de Pernambuco, nessa gestão, dará continuidade inovação e reforço à política de gênero, em Pernambuco.